All posts by: RDR

(relatora:  Francisca Mota Vieira)  O Tribunal da Relação do Porto veio considerar que, «na responsabilidade pré contratual, cujo fundamento normativo está previsto no artigo 227º do Código Civil, a tarefa da determinação da indemnização não deve ser solucionada conceptualmente com...
Continue Reading →
(relator:  Alcides Rodrigues)  O Tribunal da Relação de Guimarães veio considerar que «o artigo 493º, nº 2, do Código Civil estabelece uma presunção de culpa sobre quem exerce uma atividade perigosa (por sua própria natureza ou pela natureza dos meios...
Continue Reading →
(relatora:  Maria da Conceição Saavedra)  O Tribunal da Relação de Lisboa veio considerar que «para que nasça a obrigação de indemnizar no domínio da responsabilidade civil extracontratual por factos ilícitos é necessário que ocorra um facto ilícito, por ação ou...
Continue Reading →
(relator:  Paulo Amaral)  O Tribunal da Relação de Évora veio considerar que, no âmbito de um caso que envolve um processo penal infundado, que «os incómodos, as dores, os custos que implica a situação de ser arguido num processo-crime são...
Continue Reading →
(relator:  Afonso Cabral de Andrade)  O Tribunal da Relação de Guimarães veio considerar que «para um lesado que à data do acidente tinha 21 anos de idade, que, em consequência do acidente, sofreu traumatismo crânio encefálico, com cegueira do olho...
Continue Reading →
(relatora:  Catarina Serra)  O STJ considerou que «se são admissíveis, por princípio, limitações aos direitos de personalidade, já não o são aquelas que atinjam / toquem o limite da dignidade da pessoa humana, por violarem o princípio da ordem pública....
Continue Reading →
Numa deslocação profissional, um trabalhador morre na residência de uma senhora com quem tinha tido relações sexuais, fruto de um ataque cardíaco. Considerando-se que o ato sexual é um ato da vida corrente e que o empregador não fez prova...
Continue Reading →
(relatora:  Isaías Pádua)  O  TRC veio considerar que «da imobilização de um veículo em consequência de acidente de viação pode resultar: a) um dano emergente – a utilização mais onerosa de um transporte alternativo como o seria o aluguer de...
Continue Reading →